Chorus Fest 2018 reúne corais paraibanos nesta quinta-feira

Se apresentarão os Coros Sinfônico da PB, Infantil da PB e dos Corais do Unipê, Ladies, do CTE, do Lourdinas e Maurício Gurgel

Por Iracema Almeida há 9 meses

O canto coral vai invadir a Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural, em João Pessoa, na noite desta quinta-feira (13), com a realização do Chorus Fest 2018, que terá a participação de Coro Sinfônico da Paraíba, Coro Infantil da Paraíba, Coral Universitário Unipê, Coral Ladies, Coral do Tribunal de Contas, Coral Lourdinas e Coral Maurício Gurgel, entre outros. As apresentações começam às 19h30 e a entrada será um quilo de alimento não perecível, cuja arrecadação vai ser destinada às entidades beneficentes. A coordenação do evento é do professor e maestro João Alberto Gurgel.

Um dos objetivos do Chorus Fest é a popularização do canto coral para todos os públicos e gostos. O evento foi criado pelo maestro João Alberto Gurgel e é realizado pela Orquestra Sinfônica da Paraíba desde dezembro de 2014, com o intuito de agregar os coros paraibanos.

A ideia, de acordo com o maestro, surgiu para criar um ambiente onde todos os coros possam cantar suas peças, cada um sendo o expectador do outro, e também tenham a oportunidade de cantarem, juntos, músicas que foram ensaiadas separadamente, mas que, por meio dos comandos da regência, formam uma homogeneidade musical perfeita. O ecletismo no repertório da programação também é uma característica do Chorus Fest, proporcionando uma transição gradual entre músicas populares, performáticas e músicas natalinas.

O Chorus Fest 2018 terá a participação dos músicos Alcebíades Pimentel (violão, guitarra, teclado e sax), Andersom Correia (piano e teclado), Daniel Santana (contrabaixo elétrico), Gilson Machado (bateria), Ricardo Brito (piano e teclado), Thiago Jorge (bateria e percussão).

João Alberto Gurgel dirige e produz arranjos para corais desde 1992. Além de atuar como regente do Coro Infantil da Paraíba desde 2008, é também o regente do Coral Universitário Unipê desde 2001, do Coro do Tribunal de Contas do Estado desde 1998, do Coral Ladies (Clube da Melhor Idade Cidade Verde) desde 2009, e já esteve à frente de grupos como o Coral da Cultura Inglesa, Coral das Lourdinas, Coral do Instituto Sagrado Coração de Jesus, Coro do Ministério Público da Paraíba, Coral do Colégio Instituto João XXIII, entre outros. Além disso, regeu o Coro Sinfônico da Paraíba no período de 2009 a 2013. João Alberto é filho do maestro Maurício Gurgel (in memorian), um dos principais nomes do movimento coralista paraibano.

Coro Infantil da Paraíba - Grupo pertencente à Orquestra Sinfônica da Paraíba, criado nos anos 1990, agrega crianças e adolescentes entre oito e 16 anos, com inscrições abertas todos os semestres, para toda a comunidade. Desde 2008, tem como regente o maestro João Alberto Gurgel. Adota, em seu repertório, temas que abrangem da música erudita e regional aos gêneros mais atuais com arranjos e performances personalizados e envolventes. Atualmente, o grupo tem na equipe o pianista Ricardo Brito, a coreógrafa Mariana Navarro e o professor de apoio administrativo Egon Elgueta.

Coro Sinfônico - O Coro Sinfônico da Paraíba, um dos participantes do Chorus Fest e também integrante da Orquestra Sinfônica da Paraíba, foi fundado em 1960 e é formado por coristas da mais larga experiência e das mais variadas idades e profissões, que desenvolvem o gosto pelo canto coral, com o objetivo de proporcionar a todos uma música de qualidade. Tem atuado junto à Orquestra Sinfônica da Paraíba e Orquestra Sinfônica Jovem em diversos concertos. O grupo tem em seu currículo inúmeras apresentações em festivais nacionais e internacionais em diversas partes do Brasil e em encontros de coros. O maestro Daniel Berg é o regente do Coro Sinfônico da Paraíba.

Coral Universitário Unipê - Fundado em 2001 e pertencente ao maior centro universitário privado da Paraíba, o grupo é formado por alunos dos diversos cursos de graduação do Unipê. São futuros médicos, juristas, psicólogos, arquitetos, administradores, enfermeiros, engenheiros, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, educadores físicos, contabilistas, etc. que não deixaram seus sonhos musicais pelo fato de terem ingressado na educação superior, pois encontram esses momentos e qualidade de vida ao lado da sua sala de aula. O Coral Unipê é conhecido por suas performances alegres e repertório dinâmico e marcante. O maestro João Alberto Gurgel dirige o grupo desde sua fundação.

Coral do Tribunal de Contas da Paraíba - Com quatro CDs gravados e em fase final de seu primeiro DVD, este coro, fundado em 1998 e tendo o maestro João Alberto Gurgel como regente desde então, é formado por servidores do TCE-PB, que, sob a guarda de várias gestões nessas duas décadas de existência, vem provando o quão salutar e válida é a prática do canto coral em empresas públicas, consolidando a sua importância no cenário musical e cultural da Paraíba, estado que representa nos inúmeros festivais em que participam por todo o país.

Coral Ladies - Pertence ao Clube da Maioridade Cidade Verde, uma entidade particular que proporciona aos seus integrantes ambientes de vivência, além de cursos diversos como música, teatro, pintura, dança e até de manuseio de smartphone. O Coral Ladies também tem uma característica eclética, alegre e até irreverente. O maestro João Alberto Gurgel assumiu sua direção em 2009.

Coral Maurício Gurgel - Fundado pelo maestro Maurício Gurgel no final dos anos 1980, recebeu primeiramente o nome de “Madrigal Vozes do Sanhauá”, inspirado pela visão que se tinha do Rio Sanhauá avistado das janelas do Salão da Catedral Basílica Nossa Senhora das Neves, que abrigou os primeiros ensaios deste grupo, formado inicialmente por ex-alunos do maestro. Tem, em sua trajetória, um histórico de incontáveis festivais, participações solenes, gravações e premiações. Com o falecimento de seu fundador, em 2016, o grupo passou a se chamar “Coral Maurício Gurgel”, desde então sendo dirigido pelo pianista e maestro Andersom Correia.

Coral Lourdinas - Parte de um projeto incomum, porém exitoso, na educação musical colegial brasileira, o Colégio Lourdinas, que sempre manteve a prática do canto coral desde a década de 1950, mantém, atualmente sob a regência do maestro João Alberto Gurgel, um grupo de coral por sala de aula dentre as séries que possuem música em sua grade curricular. Cada coral tem suas características peculiares, com a participação total de seus integrantes.

No Chorus Fest 2018, participam os três vencedores da ‘Batalha de Corais’, evento competitivo que ocorre todo fim de semestre, e que realizou sua mais recente edição no último dia 27 de novembro, com grande público em um dos principais shoppings da Capital. 


Serviço:

Chorus Fest 2018

Dia: 13/12/17 (quinta-feira)

Hora: 19h30

Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira, Espaço Cultural

Regência: João Alberto Gurgel

Ingresso: 1 kg de alimento não perecível