Inspiração: mãe e filho se formam juntos em mesmo curso

Lisandra Soares Silva, de 43 anos, e Peterson William Silva de Oliveira, de 21, estudaram juntos

(Robinson Estrásulas/Agência RBS/Reprodução
Por Ângela Duarte há 5 meses

Lisandra Soares Silva, de 43 anos, e Peterson William Silva de Oliveira, de 21, poderiam ser apenas dois alunos comuns da turma de formandos do curso Técnico em Lazer Integrado ao Ensino Médio. Um laço especial, contudo, os une: são mãe e filho.

Moradores da cidade de Restinga, no Rio Grande do Sul, os dois estudaram e concluíram juntos o curso de três anos, oferecido pelo Instituto Federal do Estado. Lá também puderam concluir o Ensino Médio.

Ao Jornal Zero Hora, ela comentou sobre a conquista. “O Peterson reprovou no Ensino Médio em duas escolas. Não ia à aula, queria começar a trabalhar para ajudar em casa. Mas achei que era mais importante ele estudar. Por isso, quando vi o edital do curso, convidei ele para nos inscrevermos”, conta Lisandra, para quem a oportunidade veio como uma nova chance para o filho.

Na época com apenas 17 anos, o garoto sentia-se desestimulado pelos problemas que via no ambiente escolar. Ao chegar no IFRS, porém, esse desinteresse se foi, graças ao acolhimento e estímulo que recebeu dos professores:

“(Os professores) Fazem isso porque são valorizados. Nas escolas estaduais e municipais, vemos os professores sendo desvalorizados e, por vezes, infelizes. Se todo colégio tivesse a qualificação que tive aqui, seria incrível”, diz Peterson.

E se a primeira vista a ideia de ter a mãe como colega de turma não o agradou muito, logo o rapaz percebeu as vantagens econômicas que poderia tirar desse arranjo. “Cheguei à conclusão de que poderíamos dividir as coisas e nos ajudar, teria muito mais comodidade para nós. Então, logo aceitei o convite da mãe”, conta ele, que chegou a trabalhar como garçom nos fins de semana para complementar a renda.

Para Lisandra, o desafio foi outro: ela demorou a se acostumar com o fato de a maioria da turma ser composta de jovens com idades de serem seus filhos.

Uma vez que tiver o diploma em mãos, Peterson começará a procura por um emprego em sua área de formação. Já Lisandra pretende enfrentar as provas do IFRS novamente. Dessa vez, o objetivo é o curso técnico em Turismo. Seu próximo passo? O Ensino Superior.

Fonte: Claudia