Governador mais votado do país manda Haddad esquecer o PT

Para ele, Fernando Haddad tem que fazer de conta que não é do PT.

Por Ytalo Kubitschek há 2 semanas

Governador mais votado do país, o cearense Camilo Santana (PT) declarou à Folha de São Paulo nesta terça-feira (9) que o presidenciável Fernando Haddad (PT) tem que fazer de conta que não é do Partido dos Trabalhadores caso queira virar às eleições no segundo turno.

“Muita gente votou no Bolsonaro porque não quer o PT. Por isso que digo que a atitude do Haddad não pode ser do partido. Tem de afastar essa marca do PT. Ele precisa se colocar como um projeto novo para o Brasil, onde, claro, o PT faz parte, mas também um conjunto de forças que vai ter de colaborar com ele para o Brasil superar esse momento difícil”, afirmou.

Apoiador de Ciro Gomes (PDT) no primeiro turno, Camilo será agora o coordenador da campanha de Haddad no Ceará, único estado onde o petista foi derrotado no Nordeste. 

Com Folha de São Paulo