Portaria do governo barra entrada de torcedor violento no país durante a Copa América

Medida vale para estrangeiro que apareça como torcedor violento em sistema internacional de migração. Brasil é sede da Copa América de futebol, que ocorrerá entre 14 de junho e 7 de julho

Por Ângela Duarte há 4 meses

Fonte: G1

O Ministério da Justiça publicou nesta segunda-feira (13) no "Diário Oficial da União" uma portaria para barrar a entrada de torcedores estrangeiros violentos no Brasil no período da Copa América.

A competição, que vai de 14 de junho a 7 de julho, reúne as principais seleções de futebol da América do Sul, além dos convidados Japão e Catar. O Brasil é a sede do torneio neste ano, e cinco cidades receberão os jogos: Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Belo Horizonte.

A identificação de um torcedor como violento consta em um sistema internacional de controle imigratório. Pelo texto da portaria, se um agente de porto, aeroporto ou posto de fronteira identificar uma dessas pessoas tentando entrar no país, deverá adotar as medidas para enviá-la de volta ao país de origem.

A portaria tem validade até o dia 7 de julho, fim da competição. Medida semelhante já foi adotada em outras competições internacionais que o Brasil sediou nos últimos anos, como a Copa das Confederações de 2013 e a Copa do Mundo de 2014.