Após pane em estação de tratamento, hospitais de Campina Grande são abastecidos por carros-pipa

As unidades de saúde de Campina Grande já estão sendo abastecidas por carros-pipa para garantir a continuidade de seu funcionamento

(Foto: Reprodução/Hospital de Trauma
Por Ângela Duarte há 6 meses

O desabastecimento de água que atinge Campina Grande e mais nove cidades da região desde a última sexta-feira (15) já está sendo sentido pela população e nos serviços essenciais. As unidades de saúde de Campina Grande já estão sendo abastecidas por carros-pipa para garantir a continuidade de seu funcionamento.

O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, está sendo abastecido por carro-pipa do Corpo de Bombeiros. Para garantir o funcionamento normal, a unidade de saúde possui três caixas d’água com capacidade total de armazenamento de 640 mil litros. De acordo com o hospital, essa quantidade é suficiente para quatro dias de consumo.

Já na rede municipal de saúde, a Prefeitura de Campina Grande está priorizando o abastecimento dos reservatórios dos serviços da rede de urgência e emergência, além do setor de hemodiálise do Hospital Municipal Dr. Edgley Maciel. Desde esta segunda-feira (18), os hospitais, UPAs, Samu e os CAPS que funcionam 24h estão sendo abastecidos por meio de carros-pipa.

A Prefeitura de Campina Grande alertou ainda que algumas Unidades Básicas de Saúde (UBS), Centros de Saúde e Policlínicas poderão ter os atendimentos suspensos em razão do racionamento de água. Segundo informou a prefeitura em nota, os usuários que não conseguirem ser atendidos por conta do desabastecimento de água nestes serviços devem procurar informações com os profissionais das unidades.

Uma pane elétrica seguida de incêndio na estação de tratamento de água Gravatá, em Queimadas, foi o que causou a interrupção no abastecimento da região. A Gerência Regional da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) estima que até a próxima sexta-feira (22) o abastecimento de água seja normalizado.

O sistema elétrico está sendo refeito e estão sendo trazidos equipamentos de outras cidades para substituir o que foi queimado. A pane elétrica seguida de incêndio na estação de tratamento Gravatá, em Queimadas, deixou sem água: Campina Grande (e distritos), Queimadas, Barra de Santana, Caturité, Lagoa Seca, São Sebastião de Lagoa de Roça, Matinhas, Alagoa Nova e Pocinhos.

Fonte: ClickPB