Estudo alerta pais a não deixarem crianças dormirem em cadeirinha do carro

Especialistas dizem que há risco alto de sufocamento

(ljubaphoto/Getty Images)
Por Ângela Duarte há 5 meses

Claudia

Um novo estudo do hospital infantil da Universidade da Virgínia indica perigos de deixar bebês e crianças dormirem em assentos para carro fora do veículo.

O estudo analisou 12 000 casos de morte de bebês durante o sono. Dentre esse número, 219 foram devido ao sufocamento nas cadeirinhas e 99% dos casos ocorreram fora do veículo.

A causa mais comum das mortes nos assentos é asfixia postural. Quando a cadeirinha está posicionada no carro, os bebês ficam em um ângulo em que as vias aéreas ficam abertas e possibilitam a respiração.

Já quando estão em uma superfície plana, a cabeça das crianças pode ir para frente e bloquear a entrada e saída de ar, causando sufocamento. Isso acontece porque os músculos do pescoço dos pequenos ainda são fracos para a sustentação.

A pediatra líder da pesquisa, Rachel Moon, confirmou que os assentos são muito importantes para andar de carro, mas devem ser evitados em casa. “É melhor não deixar que as crianças durmam na cadeirinha quando você estiver em casa. O lugar mais seguro para um bebê dormir é em uma superfície plana e firme”, afirmou.

“Mesmo dentro do carro, é recomendado que algum adulto sente no banco de trás para observar o bebê. Em viagens mais longas, é importante que os pais façam pausas e tirem os filhos da cadeirinha por alguns minutos”, completou.