Tatá Werneck desabafa sobre passar mal durante as gravações de Lady Night

"Passo mal antes, durante e depois", conta a apresentadora que sofre de hiperêmese gravídica

Foto: Leo Franco/AgNews
Por Ângela Duarte há 5 meses

Fonte: M de mulher

Desde que descobriu que teria sua primeira filha, fruto do relacionamento com Rafa Vitti, Tatá Werneck tem compartilhado com os seguidores como está sendo a gestação, incluindo as partes mais complicadas.

A apresentadora sofre de hiperêmese gravídica, mesma síndrome que afetou Kate Middleton e Fernanda Lima. Ela causa sintomas mais graves que apenas os enjoos e náuseas comuns da gestação, como também pode ocasionar perda de peso, desidratação e distúrbios metabólicos.

Dessa vez, Tatá postou um desabafo no Instagram sobre gravar a última temporada do seu talk show “Lady Night”, no Multishow, grávida. Em foto agradecendo a presença de Taís Araújo, ela conta como foi a experiência. “Uma temporada diferente. Me sinto mal, cansada , cabeça tá meio lenta porque eu dou o comando dizendo que preciso focar no programa e meu corpo diz ‘dane-se. Estamos gerando sua filha. Se vira’. Que bom que meu corpo é mais inteligente que minhas vontades”.

A apresentadora ainda relatou: “Passo mal antes, durante e depois. Mas terei esse registro pra sempre. Dos dias em que trabalhei grávida e entendi um pouco mais da doação visceral (que não tem NADA de contos de fadas) que é ser mãe”

“Não estou reclamando da minha filha! Já a amo mais que tudo na vida! Mas tentando tornar real o que sempre achei que fosse mágica”, completa.

No quarto mês de gestação, Tatá já tinha contato que havia passado mal nas gravações do programa, chegou a vomitar em uma lixeira e a convidada Larissa Manoela ajudou a apresentadora.