Professor é detido suspeito de envenenar 23 crianças na China

Sete alunos foram internados, um em estado grave, depois de ingerirem quantidades anormais de nitrito de sódio em uma escola da cidade de Jiaozuo

Sala de aula — Foto: Reprodução/Pixabay
Por Ângela Duarte há 5 meses

G1

Um professor de um jardim de infância de uma escola na cidade de Jiaozuo, na China, foi detido sob suspeita de ter envenenado premeditadamente 23 alunos, com idades entre quatro a cinco anos, informou nesta terça-feira (2) a imprensa local. A suspeita é que ele tenha acrescentando nitrito de sódio à comida das crianças.

Sete alunos seguem internados, um em estado grave, após ter ingerido papinha com um nível anormal de nitrito de sódio, um aditivo alimentar que é tóxico e letal se consumido em grandes quantidades. Os outros 15 foram liberados.

As autoridades disseram, em comunicado, que as investigações continuam e que os motivos do incidente ainda não foram esclarecidos. Policiais ouvidos pela imprensa que não quiseram se identificar afirmam que investigam a possibilidade de que a motivação do professor tenha sido uma vingança contra um colega de trabalho.

Pais de alguns alunos relataram que foram avisados sobre a situação e que, ao chegarem na escola, encontraram seus filhos pálidos e vomitando, alguns deles inclusive desmaiados.

A escola foi fechada e todos os alunos - aproximadamente 50 - foram transferidos a outros colégios da região.