Homem é preso suspeito de tentar roubar arma de vigilantes no Hospital Metropolitano, na PB

Houve troca de tiros entre vigilantes e suspeitos. Um dos assaltantes ficou ferido.

Por Ângela Duarte há 3 meses

Por: G1

Um homem foi preso, na noite desta terça-feira (30), suspeito de ter participado de uma ação com mais três homens para roubar as armas dos vigilantes do Hospital Metropolitano de Santa Rita, na Grande João Pessoa. Durante a abordagem, houve troca de tiros entre os suspeitos e os vigilantes. Um dos assaltantes ficou baleado.

A direção do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires esclareceu que, de fato, houve uma tentativa de assalto aos vigilantes da unidade de saúde. "Contudo, todo fato aconteceu do lado externo do hospital e nenhum usuário, funcionário e equipe de seguranças foram feridos", disse em nota.

Os vigilantes contaram à polícia que quatro homens armados chegaram em um carro anunciando o assalto. Após a troca de tiros, os suspeitos fugiram. O carro utilizado por eles foi abandonado no local e a polícia constatou que a placa era adulterado.

Durante a fuga, os suspeitos roubaram outro carro. A vítima contou que ia para o trabalho, na BR-230, quando foi surpreendido pelos suspeitos. Ele disse que os homens chegaram correndo, estavam armados e já chegaram retirando ele do carro.

Após esse roubo, os suspeitos foram até a cidade de Bayeux. O carro foi parado pela polícia, no bairro Jardim Aeroporto, e só um homem estava dentro. Rafael Alisson Silva, de 30 anos, foi preso e confessou ter participado do crime. Ele já responde na Justiça por tráfico de drogas e assalto.

O suspeito foi encaminhado para a Delegacia Distrital de Santa Rita. Um outro carro utilizado pelos assaltantes durante a ação foi encontrado abandonado em uma mata, em Bayeux. Os outros suspeitos não foram localizados.