Polícia diz que corpo encontrado em canavial era de um professor de 62 anos

Segundo a polícia, o professor lecionou em várias instituições de ensino ao longo da carreira

Foto: Reprodução
Por Ângela Duarte há 5 meses

ClickPB

A polícia confirmou que o corpo de um homem encontrado em um canavial às margens da BR-101, em um canavial de Santa Rita, na Grande João Pessoa, era de um professor de 62 anos. A informação foi confirmada na sexta-feira (5). A vítima foi identificada como José Alves Dionísio. 

A polícia acredita que o homicídio possa ter acontecido em outro local e o corpo foi levado para a estrada posteriormente. Como havia poucas marcas de sangue e não existiam indícios de luta corporal, suspeita-se que tenha acontecido uma desova.

No corpo de José foram encontrados ferimentos, sobretudo na região do pescoço, que podem ter sido provocados por uma faca.

Até o fechamento desta matéria não haviam sido divulgadas informações sobre quem teria cometido o crime. O caso segue sob investigação.