Governo do Estado determina desapropriação de terreno para construir ligação entre Bancários e Altiplano

O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado da Paraíba (DER) ficou autorizado a promover a desapropriação do imóvel por meios amigáveis ou judiciais

Foto: Reprodução/PMJP
Por Ângela Duarte há 5 meses

O Governo do Estado da Paraíba declarou de utilidade pública um terreno localizado no bairro Altiplano, em João Pessoa. O imóvel localizado no loteamento Portal do Sol será destinado à implantação do projeto Vias do Atlântico, com a construção de uma ligação viária entre os bairros dos Bancários e do Altiplano Cabo Branco.

O decreto com a desapropriação do terreno foi publicado na edição desta quarta-feira (20) do Diário Oficial do Estado da Paraíba. O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado da Paraíba (DER) ficou autorizado a promover a desapropriação do imóvel por meios amigáveis ou judiciais. A área total do imóvel é de 2.276,25 m², segundo o decreto de desapropriação assinado pelo governador João Azevêdo.



Ainda no fim do ano de 2011 o então governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, e o então prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, assinaram um convênio para viabilizar a construção desta ligação viária, segundo informações levantadas pelo Portal ClickPB.

As obras, que estavam orçadas em R$ 9,1 milhões, estavam previstas para começar ainda no segundo semestre de 2012, mas acabaram não saindo do papel. Na época, o atual governador da Paraíba, João Azevêdo, que ocupava o cargo de secretário do Estado, esteve reunido com Luciano Agra para viabilizar as obras.

O projeto Vias do Atlântico foi elaborado pelas Secretarias Municipais de Planejamento (Seplan), Infraestrutura (Seinfra) e Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans). Os trabalhos seriam executados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

O objetivo da obra é ligar o anel viário do Hospital Universitário Lauro Wanderley, no campus da Universidade Federal da Paraíba, ao bairro do Altiplano, promovendo uma integração com o Castelo Branco e os Bancários. A rota alternativa serviria como um desafogamento do trânsito na região dos Bancários, que é conhecida pelos engarrafamentos diários em horário de pico.

Fonte: ClickPB