RC afirma que eleição não é motivo para desequilibrar as finanças e vai deixar estado sem dívidas

O governador afirmou que, ao final da sua gestão, pretende publicar a relação de todas as obras concluídas e o montante pago por cada uma delas.

Por Ytalo Kubitschek há 6 meses

“Não vou desorganizar o Estado por conta de eleição”. Foi com esta frase que, durante entrevista na 89 POP FM, o governador Ricardo Coutinho (PSB) resumiu seu posicionamento em relação às finanças do Estado, durante entrevista ao programa Sem Censura, da POP FM, na última sexta, 8 de junho.

O governador afirmou que, ao final da sua gestão, pretende publicar a relação de todas as obras concluídas e o montante pago por cada uma delas. “Podem escrever. Vou publicar porque quero que a população tenha conhecimento de que o Estado não vai deixar nenhuma dívida de obra”, comentou

“Vou entregar um estado com indicadores melhores e totalmente equilibrado. Vamos concluir 2018 com 14 escolas novas e 18 reformadas”, destacou.

Ricardo Coutinho ainda comentou que espera entregar o Estado a uma pessoa com capacidade de gerir e que mantenha o foco em possibilitar o desenvolvimento da Paraíba, ampliando os investimentos na saúde, na educação e na infraestrutura.

Na 89 POP FM, Ricardo Coutinho foi sabatinado pelos jornalistas Antônio Malvino, Lenilson Guedes, Marcelo Piancó, Julliana Veloso e Ytalo Kubitschek.