Após caso de malária, Vigilância realiza ação de dedetização no Conde, PB

Secretarias de Saúde do Estado e Municipal estão investigando o caso

Foto: Silvia Torres/ TV Cabo Branco
Por Ângela Duarte há 5 meses

G1

Após a confirmação de um caso de malária no Hospital Universitário Lauro Wanderley, a Vigilância Ambiental de Conde, cidade da Região Metropolitana de João Pessoa, aplicou inseticida em Carapibus, área da cidade em que a paciente vive, nesta quarta-feira (3).

As Secretarias de Saúde do Estado da Paraíba e da cidade de Conde reuniram-se para investigar o caso e alinhar as ações de prevenção. Em entrevista à TV Cabo Branco, a secretária de saúde da cidade, Renata Martins, disse que os órgãos estão investigando a região em que a paciente mora e trabalha, procurando saber se existem novos casos.

A orientação aos moradores de Conde é que ao sinal de qualquer sintoma, como dores lombares e febre forte e intermitente, notifiquem os agentes de saúde.

Outra orientação é que seja evitada a pesca noturna, devido os hábitos do "mosquito-prego", vetor da doença.